Número total de visualizações de página

domingo, 15 de Maio de 2011

cibercultura e suas vertentes



A cibercultura é um termo utilizado na definição dos agenciamentos sociais das comunidades no espaço eletrônico virtual, ela advém de uma relação de trocas entre a sociedade, a cultura e as novas tecnologias de base micro-eletrônicas surgidas na década de 70, graças à convergência das telecomunicações com a informática.
Essas comunidades têm vindo a expandir-se atráves do uso da internet e outras tecnologias.
Muita gente intende a tecnologia como uma cultura pilotada pela tecnologia, mas Cibercultura é a cultura contemporânea fortemente marcada pelas tecnologias.



wiki o  que é?
Wiki Vem de wikiwiki palavra havaiana que significa rápido, é uma coleção de muitas páginas interligadas e cada uma delas pode ser visitada e editada por qualquer pessoa.
Wiki é hoje em dia a forma mais democrática e simples de qualquer pessoa, mesmo sem conhecimentos técnicos, contribuir para os conteúdos de uma página Web.
Uma característica notável das ferramentas Wiki é a facilidade de edição e a possibilidade de criação de textos de forma coletiva e livre, assim como se faz na Wikipédia e em outros projetos que utilizam Wikis.
Um dos factores que faz a wiki diferente dos outros sites é facto de poder ser editado pelos usuários que por ele navegam.



Comunidade virtual o que é?
Wiki Vem de wikiwiki palavra havaiana que significa rápido, é uma coleção de muitas páginas interligadas e cada uma delas pode ser visitada e editada por qualquer pessoa.
Wiki é hoje em dia a forma mais democrática e simples de qualquer pessoa, mesmo sem conhecimentos técnicos, contribuir para os conteúdos de uma página Web.
Uma característica notável das ferramentas Wiki é a facilidade de edição e a possibilidade de criação de textos de forma coletiva e livre, assim como se faz na Wikipédia e em outros projetos que utilizam Wikis.
Um dos factores que faz a wiki diferente dos outros sites é facto de poder ser editado pelos usuários que por ele navegam.



o que são redes sociais?

Rede Social é uma das formas de representação dos relacionamentos afectivos ou profissionaisdos seres humanos entre si ou entre seusagrupamentos de interesses mútuos.
 social media nascem do fenómeno da Web 2.0 e são o espaço por excelência da Geração C – ouConsumer 2.0, que se resume em várias palavras: conteúdos, conversação, comunidade, controlo, co-autoria, ligação, comunicação, canal, criatividade.
Os social media dão existência às redes sociais na web: espaços onde os indivíduos se interligam em torno de interesses, podendo ser ou não uma comunidade virtual. A diferença centra-se na publicação de conteúdo.

Redes sociais [social networking]
Social networking resume a comunicação e interacção social direccionadas para o consumo de conteúdos, a partilha de informação e a expressão do Eu numa sociedade de interesses ou valores partilhados, sem determinismo geográfico.
Pierre Lévy (1994; 2004) trabalhou o conceito de inteligência colectiva, uma das ideias inerentes à noção de sociabilidade na rede, que remete para a premissa de que ciberespaço (inter)liga inteligências. 
Tim Berners-Lee (1999) desenvolveu a ideia deintercriatividade para designar a capacidade que na Internet o utilizador tem de não só de poder interagir com outras pessoas, mas também de cria.
o que é web 2.0?
eb 2.0 é um termo criado em 2004 pela empresa americana O'Reilly Media 
para designar uma segunda geração de comunidades e serviços, tendo como conceito a "Web como plataforma", envolvendo wikis, aplicativos baseados em folksonomiaredes sociais eTecnologia da Informação.
o termo não se refere à atualização nas suas especificações técnicas, mas a uma mudança na forma como ela é encarada por usuários e desenvolvedores, ou seja, o ambiente de interação e participação que hoje engloba inúmeras linguagens e motivações.
Web2.0 e a programação
a web começou por desenvolver softwares que são usados pela Internet e vendidos não em pacotes, mas como serviços, pagos mensalmente como uma conta de água, ou seja,
os softwares eram desenvolvidos de modo que fiquem melhores quanto mais são usados, pois os usuários podem ajudar a torná-los melhores.

o que é software social? 
O conceito de software social  envolve plataformas informáticas online e redes sociais, com o propósito de colocar as ferramentas de comunicação do ciberespaço ao serviço das comunidades e da interacção social. O termo software social propagou-se pela rede num alargado conjunto de ferramentas que intensificam o significado de “social”. O objectivo é criar ambientes e experiências sociais online, de forma colectiva

FONTE:

Redes Sociais





Rede Social é uma das formas de representação dos relacionamentos afectivos ou profissionais dos seres humanos entre si ou entre seus agrupamentos de interesses mútuos.
 social media nascem do fenómeno da Web 2.0 e são o espaço por excelência da Geração C – ou Consumer 2.0, que se resume em várias palavras: conteúdos, conversação, comunidade, controlo, co-autoria, ligação, comunicação, canal, criatividade.
Os social media dão existência às redes sociais na web: espaços onde os indivíduos se interligam em torno de interesses, podendo ser ou não uma comunidade virtual. A diferença centra-se na publicação de conteúdo.

Redes sociais [social networking]

Social networking resume a comunicação e interacção social direccionadas para o consumo de conteúdos, a partilha de informação e a expressão do Eu numa sociedade de interesses ou valores partilhados, sem determinismo geográfico.
Pierre Lévy (1994; 2004) trabalhou o conceito de inteligência colectiva, uma das ideias inerentes à noção de sociabilidade na rede, que remete para a premissa de que ciberespaço (inter)liga inteligências. 
Tim Berners-Lee (1999) desenvolveu a ideia de intercriatividade para designar a capacidade que na Internet o utilizador tem de não só de poder interagir com outras pessoas, mas também de cria.

As redes sociais e as suas vantagens
Em termos profissionais, uma boa rede de contactos cria valor e facilita a vida. As empresas tardam em reconhecer as capacidades ao sua dispôr na web, mas as pessoas que as formam, não. Entre as funcionalidades mais úteis estão:
  1. Divulgação do currículo. Num mundo de emprego em permanente mudança, com os laços entre empregador e empregado desfeitos pela sobre valorização do dinheiro à custa do corpo social, uma pessoa consciente está sempre no mercado de trabalho. Quanto mais divulgação tiverem as suas competências, mais facilmente encontrará quem as valorize. Quando se tem um patrão que não nos dá o justo valor, mais pertinente se torna
  2. Pedido de referências pessoais. A cibercultura assenta nas relações pessoais horizontais, ou peering, quebrando a tradicional relação vertical. A sua opinião sobre os seus colegas é tida em conta. E a dos seus colegas por si também. Construa a sua reputação levando isso em consideração
  3. Oportunidades de emprego. À medida que mais gente e organizações integram as redes sociais aumentam também as relações de proximidade geográfica e consequentemente crescem as oportunidades de trabalho. Estar bem posicionado nas redes sociais representa uma vantagem sobre quem não está
  4. Encontro de velhos amigos e colegas. A interoperabilidade entre as diversas redes facilita a tarefa de estar em contacto com conhecidos anteriores. Noutros casos, poderá reencontrar ligações — e as ligações geram riqueza na web
  5. Receber propostas de negócios. Em função do seu currículo, da sua capacidade de relacionamento com os outros e da sua disponibilidade, torna-se mais fácil propor-lhe actividades. Que poderá incorporar no seu dia-a-dia na empresa ou — como fazem já milhões de pessoas — funcionar em regime de outsorcing
  6. Selecção de especialistas. Os serviços de social networking não têm apenas oferta, lembre-se disso. Também a procura de trabalho e de talento tem neles lugar de relevo. A prática de caça-talentos também se “democratizou” com a web, deixando de estar reservada às elites. Estar nelas significa poder ser escolhido


r em conjunto com outras pessoas.

Comunidade virtual






comunidade virtual é uma comunidade que estabelece relações num espaço virtual através de meios de comunicação a distância. Se caracteriza pela aglutinação de um grupo de indivíduos com interesses comuns que trocam experiências e informações no ambiente virtual.
Um dos principais fatores que potencializam a criação de comunidades virtuais é a dispersão geográfica dos membros. O uso das Tecnologias de Informação e Comunicação - TICs minimizam as dificuldades relacionadas a tempo e espaço, promovendo o compartilhamento de informações e a criação de conhecimento coletivo.Ela permite uma interacção entre os seus diversos elementos de forma a oferecer apoio e/ou trabalhar conjuntamente na prossecução de um determinado objectivo, Por outro lado esta colaboração poderá ser pura, uma vez que não existirá influências sociais no seu desenvolvimento, sendo cada contribuição avaliada essencialmente pelo seu conteúdo.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Comunidade_virtual

web 2.0

quinta-feira, 7 de Abril de 2011

Wiki o que é?


Wiki Vem de wikiwiki palavra havaiana que significa rápido, é uma coleção de muitas páginas interligadas e cada uma delas pode ser visitada e editada por qualquer pessoa.
Wiki é hoje em dia a forma mais democrática e simples de qualquer pessoa, mesmo sem conhecimentos técnicos, contribuir para os conteúdos de uma página Web.
Uma característica notável das ferramentas Wiki é a facilidade de edição e a possibilidade de criação de textos de forma coletiva e livre, assim como se faz na Wikipédia e em outros projetos que utilizam Wikis.
Um dos factores que faz a wiki diferente dos outros sites é facto de poder ser editado pelos usuários que por ele navegam.